Escolha uma Página

No segundo vídeo da Série Entendendo Fórmulas, iremos explicar todas as dicas para você aprender de uma vez por todas uma das fórmulas mais utilizadas no Excel.

Para quem usa o Pacote Office em Inglês, a formula se chama VLOOKUP

Clique aqui e baixe o arquivo com o Exercício

Transcrição do vídeo

E aí, pessoal?!

Voltando então para o nosso Entendendo Fórmulas, hoje a gente vai falar do PROCV.

PROCV = Procura na vertical

O PROCV faz uma procura na vertical. Muita gente fala “ah, o PROCV procura valores”.

Não! É procura na vertical!

Da mesma maneira que a gente tem o PROCH. Tem que tomar cuidado pra falar isso, porque se falar muito rápido, pode parecer outra coisa.Então o PROCH, é procura na horizontal.

Como a fórmula PROCV funciona?

Vamos ver então a fórmula funcionando?

Pessoal, então vamos ver a fórmula PROCV funcionando. Se a gente tivesse essa tabela e eu falasse pra você que vocês tem que fazer uma procura e eu falasse “eu quero saber qual é o valor total da nota 19357”, o que você teria que fazer pra me falar isso?

Você poderia vir com a régua. No caso aqui eu vou exemplificar com um papelzinho. Procura a nota que você quer. Uma procura na vertical. PROCV: procura na vertical. Opa! Achei a nota aqui. Agora, a segunda informação é o que? Qual coluna, qual informação que eu quero trazer. Eu quero saber o valor total. O valor total está na coluna 10 dessa minha planilha, R$1075,00. Esse é o valor que eu teria encontrado se eu fosse fazer isso manualmente.

Vamos repassar aqui o PROCV. A primeira coisa é colocar o valor procurado. O valor procurado é a nota 19357, só que eu ainda não sei onde ela está. Então eu coloco a nota 19357 lá no meu valor procurado. Depois vem a minha matriz tabela. A matriz tabela é onde eu vou procurar. Aí é nessa tabela inteira aqui.

Lembrando que o PROCV só procura da esquerda para a direita! 

Então ele vai primeiro procurar na tabela a nota fiscal. Opa! Achou ela aqui. Agora eu tenho que falar para ele de qual coluna ele vai me retornar a informação que eu quero. No caso, eu tenho que sempre informar em números, o número da coluna. então essa aqui é a 1, essa é a coluna 2, coluna 3 e assim sucessivamente.

Eu quero agora retornar o que está na coluna da região.

Então, eu tenho:

  1. Pedido
  2. Data
  3. Vendedor
  4. Comissão
  5. Cidade
  6. Região

Então eu colocaria número 6. Aí a fórmula vai trazer aqui pra mim “Nordeste”. A fórmula vai retornar pra mim então o valor “Nordeste”. Essa é uma procura na vertical que é o PROCV. Então quando a gente entende assim a fórmula funcionando, fica muito mais fácil pra gente passar ela pro Excel e desmistificar essa fórmula que o pessoal tem um pouco de dificuldade com ela. Vamos ver ela funcionando lá no Excel?

Entendendo o PROCV no Excel

Então, pessoal, para exemplificar um pouquinho do PROCV, eu tenho essa apresentação também mostrando mais ou menos o que a gente mostrou no papel.

Então, a primeira coisa na fórmula é o valor procurado, que no caso é esse aqui, 19353. Minha matriz tabela, que é meu segundo argumento, é a tabela onde eu vou procurar. A terceira informação, número índice da coluna, é de qual coluna que eu quero que ele me retorne a informação. Eu tenho que colocar em número. Então aqui eu quero o valor que está na coluna Total, que é a nona coluna. Então vou por o número 9. E o final aqui, a gente coloca 0 ou 1, ou falso e verdadeiro. Geralmente a gente usa falso. Eu vou explicar essa fórmula PROCV mais pra frente, qual a diferença do verdadeiro e do falso, mas aqui a gente vai padronizar o falso, que é uma correspondência exata.

Mas vamos lá. Então a primeira coisa que o PROCV faz é procurar essa nota fiscal verticalmente. Então ele vai lá e vai fazer uma procura vertical. Foi lá, procurou a nota e achou. Quando ele achou a nota fiscal, ele já vai lá e vai falar “opa, qual coluna você quer que eu traga?”. Aí vai estar lá o número 9, que é a nona coluna. Beleza, a gente informou pra ele que é a coluna 9 e ele vai falar “que valor eu tenho aí? Ah, tenho R$160,00”. Então ele vai retornar pra mim R$160,00.

Usando o PROCV no Excel – exemplo prático

Vamos lá ver no Excel? Vamos fazer na prática?

Então vamos lá.

=PROCV

Eu vou procurar essa nota fiscal. Agora onde eu vou procurar? A minha matriz tabela é essa tabela inteirinha. A minha primeira coluna sempre tem que ser a coluna da informação que eu estou procurando. Então se eu estou procurando uma nota fiscal, minha primeira coluna está aqui. No caso, o pedido.

Se eu estivesse procurando pedido e a minha coluna de pedidos estivesse aqui, a minha tabela ia ser daqui pra frente. O PROCV só procura da esquerda pra direita. Feito isso, ponto e vírgula, qual coluna eu quero retornar? Eu quero o vendedor. O vendedor está na coluna 3. Então eu simplesmente ponho o número 3. Ponto e vírgula.

Eu quero uma correspondência falsa ou verdadeira? Falsa é uma correspondência exata. Ou seja, eu quero exatamente dessa nota. O verdadeiro serve para aproximada. Se ele não encontrar, ele vai pegar o mais próximo. Mas eu não quero o mais próximo, eu quero exato. Então vou colocar falso, fecho parênteses e dou enter.

Então achou pra mim: nota 19357, o vendedor é o Marcos. Agora eu posso arrastar essa fórmula pra baixo, porque eu peguei a coluna inteira na minha tabela e está feito. A mesma coisa eu vou fazer aqui.

=PROCV

Vou procurar a nota fiscal ainda, a matriz tabela vai ser a minha mesma matriz, ponto e vírgula, o que vai mudar agora é a coluna. A coluna cidade é a 5. Então eu coloco 5, ponto e vírgula, falso. Eu quero exatamente essa nota. Pronto. Feito isso, posso arrastar pra baixo também. Vou aumentar um pouquinho a coluna aqui.

Agora vou trazer o valor. PROCV. Vou procurar este valor na mesma matriz tabela, ponto e vírgula, vou falar qual é a coluna que eu quero. Coluna 10, ponto e vírgula, falso. Tem gente que põe falso, tem gente que põe 0. É a mesma coisa. Feito isso, pode dar um enter. E aí, como eu peguei a coluna inteira na minha matriz tabela, posso arrastar pra baixo tranquilamente.

Então esse é o PROCV funcionando.

Pessoal, espero que vocês tenham aprendido, tenham gostado. Dêem suas dicas e sugestões de fórmulas que vocês gostariam de entender, se inscrevam no nosso canal, dêem joinha no vídeo e até o próximo!

Gostou do nosso vídeo? Siga nas redes sociais e deixe comentários abaixo.

Se inscreva em nosso canal no Youtube
Curta nossa página no Facebook